O Instagram exibia as imagens em ordem cronológica, hoje, a sequência depende do nível de interação entre seguidores e quem post. Lembra dessa mudança? Ela é uma das várias que temos acompanhado ao longo dos anos.

E, para te ajudar a ficar por dentro do que acontece em um das principais redes sociais do momento, nós vamos te explicar direitinho todas as novidades sobre a plataforma!

As redes sociais já são essenciais para qualquer negócio e, por isso, é fundamental traçar estratégias bem definidas e entender como elas funcionam.

Provavelmente você já se deparou com o termo “algoritmo”, que são as “regras”que cada rede social usa para exibir os resultados aos usuários.

A fama do “algoritmo do Facebook” já faz arrepiar os cabelos de qualquer profissional de marketing digital, mas você sabia que o Instagram também tem cálculos próprios que determinam qual conteúdo aparece para cada usuário?

A rede social, desde que foi comprada por Mark Zuckerberg em 2012, já passou por várias atualizações, até se tornar uma das redes sociais mais usadas em todo o mundo.

Com mais de 700 milhões de usuários ativos em todo o mundo, fica impossível ignorar a importância do Instagram! Por isso, separamos algumas mudanças muito significativas que já estão afetando a plataforma em 2018.

Update no algoritmo do Instagram

Assim como no caso do Facebook, o algoritmo do Instagram também é um quebra-cabeça quase indecifrável, que define a relevância de cada conteúdo exibido para os usuários da rede social.

A frequência de postagem, a qualidade da imagem, o engajamento, o uso de palavras-chaves, as preferências de cada seguidor e outras variantes determinam o que cada um vai encontrar em seu feed e até em qual ordem as imagens irão aparecer!

No fim das contas, o que acaba acontecendo é que, com base em uma série de fatores, o Instagram mostra suas publicações apenas para uma média de 10% dos seus seguidores. Pode até parecer assustador, mas existem formas de driblar essa porcentagem.

O aspecto principal é que o interesse que os usuários demonstram por seu conteúdo, e a forma com que ele engaja, serão decisivos para que você chegue até os outros 90% de sua audiência.

Conteúdo para redes sociais

Não deixe o engajamento de lado

Se você usa o Instagram para promover sua empresa, o ideal é que você use a opção “business” da plataforma. Se você já não migrou para esse tipo de conta, não é mesmo? Agora, é importante que você saiba lidar bem com seus seguidores e potenciais clientes.

O Instagram, cada vez mais, está valorizando o engajamento dos perfis. Quanto mais rápido você responde aos comentários deixados em sua foto, por exemplo, maior será a visibilidade dessa postagem.

Dica: Ah, aqueles comentários com uma ou duas palavras não são muito “relevantes” para sua postagem. Para que um comentário realmente seja significativo para o engajamento do seu post, o ideal é que ele tenha quatro ou mais palavras.

Conteúdo efêmero é o mais novo queridinho

Com tantos fatores que dificultam a exibição dos seus posts, a melhor pegada é apostar nos stories – mas claro, sem spam! O conteúdo efêmero, ou seja, que é momentâneo e logo desaparece, é uma das maiores tendências atualmente.

A lista de stories aparece na ordem em que o usuário mais costuma interagir com cada perfil, mas cada um tem seu lugarzinho ao sol. O importante aqui é dar um bom motivo para que seus seguidores engajem com seu conteúdo!

Menos é mais, até para hashtags

O Instagram permite que um usuário coloque até 30 hashtags por publicação – mas isso não quer dizer que a gente deva viver nesse limite. Tags demais podem parecer spam, e até te levar para a zona sombria do shadowban.

Escolha umas cinco palavras-chaves que são essenciais para seu negócio e use-as com sabedoria! Além dessas escolhidas, varie entre outras tags relevantes para o que você está publicando, sempre com bom-senso e moderação.

Ficar postando sempre as mesmas hashtags pode indicar um comportamento de bot na sua conta, e esse é outro motivo para o Instagram querer que você desapareça das buscas.

Cuidado redobrado com as hashtags

Uma das maiores bombas para 2018 também está relacionada às hashtags. A técnica de colocar as tags nos comentários para deixar o post mais limpo e visivelmente agradável simplesmente não funciona mais!

As hashtags colocadas nos comentários não aparecem mais em buscas, então você precisa colocá-las no texto que acompanha sua imagem. Mais um motivo para tomar cuidado com o excesso de tags.

Além disso, ficar editando o seu conteúdo durante as primeiras 24h em que você postou pode indicar para o Instagram que você está querendo mudar as suas hashtags e aparecer em mais buscas. E, adivinha como a plataforma recebe essa ação? Exatamente, ele torna o seu perfil menos interessante para as buscas.

Novas funcionalidades

Para começar o ano com o pé direito, o Instagram já lançou algumas funcionalidades que foram muito bem recebidas. Já é possível seguir hashtags e salvar os seus stories no aplicativo, o que pode ser bastante útil e prático!

Outra atualização é em relação ao seu feed de buscas, que exibe conteúdos praticamente selecionados por uma “curadoria” dos seus interesses. Pois bem, essas publicações agora não ficam mais restritas à lupa de buscas, e podem aparecer ocasionalmente em seu feed normal.

E você, quais mudanças já percebeu no seu Instagram em 2018? Compartilhe aqui nos comentários!

Marina Cristeli – Hipertexto Comunicação Empresarial